Virgens russas convocadas a votar em Putin

A corrida presidencial na Rússia está chegando ao fim, com as eleições neste domingo confirmando o favoritismo de Vladimir Putin. Mas a campanha política deixa muitas polêmicas e boas gargalhadas.

Um dos vídeos mais comentados nas redes sociais foi o da campanha de Putin, intitulado “Putin. Primeira vez, somente por amor”. O vídeo mostra uma jovem, que se diz apavorada, num consultório médico. O profissional diz que é normal o nervosismo na primeira vez e que acontece com todo mundo. A jovem diz que a escolha dela é por amor e o médico a tranquiliza, dizendo que não há o que temer. E diz que o mais importante é confiar naquele que foi escolhido. “Confiar é amar. E a sua escolha merece confiança”, completa o médico, apontando para uma revista que exibe o presidenciável Vladimir Putin na capa. O vídeo termina com a jovem indo votar (presumidamente pela primeira vez).

 

Na última semana, a oposição resolveu utilizar a mesma tática. A socialite e apresentadora de televisão Ksenya Sobchak, gravou um vídeo-resposta onde aparece chupando um pirulito e conversando com um médico:

– Doutor, esta não é a minha primeira vez. A primeira vez foi em2000. Asegunda vez foi em 2004. E agora estou pronta para me doar pela terceira vez, mas eu tenho medo de que ele já não me ame.

– Por que você  não troca de parceiro?, aconselha o médico.

– Eu tenho medo de pegar algum vírus, a infecção laranja (referência à Revolução Laranja, da vizinha Ucrânia).

O médico diz que ela não precisa se preocupar porque o “branco” vai protegê-la. A cor branca foi utilizada pela oposição nas manifestações dos últimos três meses para exigir eleições justas.

 

Não é a primeira vez que sexo e sensualidade são utilizados para angariar votos na Rússia. No ano passado, dois movimentos criados por jovens russas foram notícia em todo o mundo devido ao uso do corpo feminino como arma política, considerado apelativo por muitos. Algumas jovens criaram o Exército de Putin e outras inventaram o Meninas de Medvedev. Com caras e roupas sensuais, as meninas apareciam em vídeos sugestivos, motivando as russas a provarem o amor que sentiam pelos políticos Putin e Medvedev. Uma das campanhas, que prometia dar de presente um Ipad para a vencedora, dizia “Mostre os seus seios por Putin”.

Em novembro, antes das eleições legislativas, um comercial do governo convocando as pessoas às urnas também foi alvo de críticas. O anúncio mostra um jovem casal paquerando numa seção eleitoral. Em seguida, a menina entra na cabine, mas agarra o rapaz para dentro do local de votação. Segundos depois, o casal sai ajeitando o cabelo e aparece o slogan do comercial: “Vamos fazer isso juntos”.

Esse post foi publicado em Política, Uncategorized e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Virgens russas convocadas a votar em Putin

  1. Bernardo disse:

    Ai, essas russas…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s